O Senhor Kraus é que tem razão (3)

– A ideia é a seguinte, senhor Chefe. Fazemos duas pontes, uma ao lado da outra. Cada uma delas só terá um sentido. Numa ponte os carros vão para lá, na outra os carros vêm para cá. Que lhe parece? Lado a lado, com distância entre elas de menos de cinquenta metros. Dá para dizer adeus de uma para outra. Seriam como duas pontes irmãs. Duas pontes inéditas na Europa!
E mesmo no mundo.
No mundo!
O Chefe abanou a cabeça e apostou num longo silêncio. Depois com voz grave, disse:
– Ainda antes das soluções engenhosas deve estar a preocupação com o dinheiro que se gasta. Porque o dinheiro não é nosso, é da população-
– Muito bem, chefe.
– Bonito.
– Sendo assim, em vez de duas pontes proponho que se faça apenas uma, com os dois sentidos – disse o Chefe.
– Bravo! Excelente ideia, senhor Chefe.
– Impressionante.
– Passamos os gastos para metade – acrescentou.
– Pelas minhas contas, assim de cabeça, exactamente cinquenta por cento – concordou o Auxiliar.
– Bravo, senhor Chefe!
– Agora é o momento de anunciarmos que começamos a reduzir os gastos deste empreendimento para metade. Para que a população veja como zelamos pelo dinheiro comum.
– Muito bem.
– Só tenho pena – disse o Chefe – de que os meus excelentes Auxiliares não tenham proposto de inicio três pontes em vez de duas. Se tivesse sido assim hoje poderiamos anunciar a redução dos gastos para um terço.
– Tem razão, senhor Chefe.
– Falhámos! – murmurou o Auxiliar, baixando os olhos envergonhado.

[Senhor Kraus, Gonçalo M. Tavares]

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: